A parceria entre Qualcomm e Apple parece estar cada vez mais próxima de acabar e parte desse processo foi confirmado nesta quinta-feira (26). Em coletiva de imprensa, o diretor financeiro da Qualcomm George Davis confirmou que a Maçã não usará os seus modems nos modelos de 2018 do iPhone.

“Acreditamos que a Apple pretende usar apenas os modems de nossos competidores em vez dos nossos no seu próximo iPhone”, afirmou o executivo. “Nós continuaremos a oferecer modems para os demais aparelhos da Apple”, completou. Essa expectativa foi reforçada por Cristiano Amon, o presidente da empresa, conforme relata a CNBC.

Essa informação foi compartilhada pelos executivos da empresa durante a coletiva de anúncio dos resultados do trimestre mais recente. E a maré parece andar um pouco complicada para a Qualcomm: ainda hoje, a empresa confirmou a desistência da compra da fabricante holandesa de chips NXP e, por descumprir um acordo firmado em 2016 entre as duas companhias, será obrigada a indenizar a rival em US$ 2 bilhões.

Por parte da Apple, é natural que a companhia procure cada vez mais enfraquecer os laços com a Qualcomm, afinal as duas companhias se engalfinham nos tribunais desde o início do ano passado. Diante da confirmação de hoje, é natural crer que a Maçã usará modems da Intel em seus smartphones de 2018.

Cupons de desconto TecMundo: