Apple acabou de anunciar ao público os resultados financeiros da empresa durante seu terceiro trimestre fiscal, que diferentemente de outras empresas é referente aos meses de abril, maio e junho. A receita da Maçã subiu nada menos que 17%, resultando em US$ 53,3 bilhões, ou R$ 200 bilhões. Seu lucro líquido foi de US$ 11,5 bilhões, o equivalente a R$ 43 bilhões. A previsão de receita da empresa estava correta, tendo sido estipulada entre US$ 51,5 bilhões e US$ 53,5 bilhões.

Estamos felizes em relatar o melhor trimestre de junho da Apple e nosso quarto trimestre consecutivo de crescimento de receita em dois dígitos

Todo esse dinheiro veio principalmente das vendas dos produtos da empresa. Foram comercializados 41,3 milhões de iPhones, 11,55 milhões de iPads e 3,7 milhões de Macs – esse último o único dispositivo da empresa que foi menos vendido do que no mesmo período do ano passado.

Mais dinheiro vindo por aí

A previsão da Apple, enquanto comemoram os ótimos números apresentados, é de aumentar ainda mais os valores para o quarto trimestre fiscal, referente aos meses de julho, agosto e setembro. A empresa pretende atingir uma receita entre US$ 60 bilhões e US$ 62 bilhões, algo entre R$ 225 bilhões e R$ 232 bilhões.

“Estamos felizes em relatar o melhor trimestre de junho da Apple e nosso quarto trimestre consecutivo de crescimento de receita em dois dígitos”, disse Tim Cook, CEO da Apple. “Nossos resultados do terceiro trimestre foram impulsionados pelas fortes vendas do iPhone, de Serviços e dispositivos vestíveis, e estamos muito entusiasmados com os produtos e serviços em nosso pipeline”, concluiu.

Cupons de desconto TecMundo: