Casa de apostas em criptomoedas avaliada em US$ 1,5 bi é fechada na China

1 min de leitura
Imagem de: Casa de apostas em criptomoedas avaliada em US$ 1,5 bi é fechada na China
Avatar do autor

A cruzada chinesa contra fraudes e golpes envolvendo moedas virtuais continua. Desta vez, o país asiático fechou uma casa de apostas de criptomoedas responsável por movimentar US$ 1,5 bilhões em apostas da Copa do Mundo. As autoridades da cidade de Guangdong, no sul da China, a 2.100 km de Pequim, prenderam seis suspeitos de comandarem o esquema.

Segundo o site South China Morning Post, a jogatina se dava toda por meio da Dark Web, a parte obscura da Deep Web, e realizavam transações em litecoin, ether e bitcoin. Conforme nota divulgada pela polícia local, os criminosos se aproveitaram da não regulamentação das criptomoedas no país para lucrar de forma significativa.

A China não está muito à vontade com as criptomoedas. Vale lembrar que o país asiático já baniu a realização de ofertas iniciais de moedas por lá e, recentemente, proibiu as exchanges locais de comercializarem criptomoedas estrangeiras.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Casa de apostas em criptomoedas avaliada em US$ 1,5 bi é fechada na China