A tecnologia já está envolvida em tudo nas nossas vidas, do processo de desenvolvimento e fabricação de qualquer produto até na elaboração de estratégias de desempenho e planejamento de empresas. Se até algum tempo atrás a gente falava que o futuro estava perto, agora podemos dizer que ele realmente chegou: é hoje.

O Oracle OpenWorld Brasil é um evento que serve justamente de oportunidade para que você possa ver o que acontece de inovador já hoje nas áreas empreendedorismo, desenvolvimento e programação, e aprender mais sobre como as transformações recentes da indústria afetam a vida de todo mundo.

O que é?

O OpenWorld é um evento que a Oracle realiza globalmente, com edições espalhadas por várias capitais ao redor do ano. Em São Paulo, o evento reuniu grandes nomes para contar suas próprias histórias, incluindo executivos da própria Oracle, clientes e parceiros, representantes de startups, estudantes de diversas áreas, empreendedores de mercados altamente inovadores e outras mentes que estão fazendo a diferença na sociedade.

A edição de 2018 no Brasil envolveu horas de preparação e montagem para que a capital paulista recebesse tanto conteúdo entre os dias 20 e 21 de junho. Segundo o vice-presidente de marketing para a América Latina da Oracle, João Nunes, foram mais de 17 mil inscritos para o evento que aconteceu no Pavilhão da Bienal e do Auditório do Parque do Ibirapuera, coração de São Paulo. Além da novidade de acontecer pela primeira vez em um parque, outra inovação do Oracle OpenWorld deste ano foi ser gratuito.

Agenda cheia

No primeiro dia do Oracle OpenWorld, o foco foi em como tecnologias de análise de dados, inteligência artificial, machine learning e blockchain estão revolucionando e impactando diversos setores da sociedade. Mitch Lowe, CEO da MoviePass e cofundador da Netflix, o futurista Tiago Mattos e Rony Meisler, CEO do Grupo Reserva, foram só alguns dos convidados.

Uma palestra.

Já no segundo dia, as palestras mostraram como está sendo a transformação dentro das empresas tradicionais para que elas se adaptem às exigências do mercado atual e da sociedade, como a questão da diversidade, sempre equilibrando as preocupações com capital e a busca por contribuições para áreas como saúde e educação.

Inovação para todos os lados

Além de tudo isso, o OpenWorld englobou outros dois eventos: o Oracle Code, que teve vários workshops, desafios e demonstrações interativas para desenvolvedores; e o Oracle Executive Summit, abordando os desafios de liderança em corporações de diversos portes.

Os participantes também tiveram a chance de conversar diretamente com clientes e parceiros da Oracle, que montaram estandes para apresentar suas soluções.

Um evento.

Além de expandir os próprios conhecimentos sobre soluções tecnológicas, quem passou por lá conseguiu também estabelecer novos contatos, fortalecer seu networking e, é claro, se divertir bastante com as várias atrações proporcionadas pela Oracle e pelas empresas parceiras.

E isso é somente um pouco do que aconteceu na Oracle OpenWorld Brasil 2018 — e ano que vem tem mais. Até a próxima!

* Publieditorial patrocinado pela Oracle