Você deve ter lido a manchete e se perguntado: “como assim?” Pois é, a LG pode ser conhecida como uma das marcas mais famosas no filão brasileiro de smartphones, TVs e eletrodomésticos, mas a verdade é que ela começou sua trajetória comercial como Lucky Chemical, uma fabricante de creme facial e pasta de dentes — como bem conta nossa série sobre gigantes da tecnologia. Agora, a companhia “volta às raízes” e começa a vender seus cosméticos no Brasil. As informações são do Valor Econômico.

Quem traz os itens para cá é a LG Household & Health Care, que figura entre as dez mais rentáveis do conglomerado sul-coreano e, segundo pesquisas do Euromonitor, é a 21ª maior no setor global. Sua chegada por aqui está atrelada à demanda por cuidados específicos com a pele dos orientais, em um movimento conhecido como “Korean Beauty” ou “K-Beauty”.

Como a LG H&H já vem dando atenção para a Ásia, Estados Unidos e Canadá, chegou a vez do Brasil, conhecido também como o quarto maior mercado de beleza do mundo. Os planos são de trazer, inicialmente, nove marcas e 800 itens importados, com expectativa de R$ 300 milhões em vendas nos próximos três anos.

lg

Os principais produtos são o CNP, que faz “peeling” sem descascar a pele; o Elastine, para tratamento capilar com mais uso de aminoácidos; e o Lucky Fiji, detergente de roupas em lenços. Os itens, a maioria na faixa intermediária de até R$ 30, serão distribuídos nacionalmente pela Farmax e devem aparecer primeiro nos Estados de São Paulo e Minas Gerais.