Imagem de: Google compra startup capaz de moldar ondas sonoras de um jeito sinistro
Fonte: Google

Google compra startup capaz de moldar ondas sonoras de um jeito sinistro

1 min de leitura
Avatar do autor

Na surdina, o Google comprou a startup Redux, do Reino Unido. De acordo com informações da Bloomberg, a companhia foi adquirida em dezembro. A Redux desenvolve uma tecnologia inovadora que conduz ondas de som por superfícies, fazendo telas de celulares e computadores atuarem como speakers.

Ainda não há muita informação sobre como essa mágica toda acontece, mas o importante é que agora ela é do Google. Nessa jogada, a gigante de Mountain View garantiu 178 patentes e 50 pedidos de registro pendentes.

A Bloomberg, que noticiou o fato, não informa quanto a gigante das buscas pagou pela startup. Afinal, discrição é alma do negócio, certo?

Explica melhor isso aí

Um relatório publicado pela Cambridge Design Partnership, com quem a Redux colaborou no projeto, descreve a novidade como um sistema que usa tecnologia proprietária para moldar as ondas sonoras, o que é capaz de entregar áudio de alta qualidade e até mesmo feedback tátil em superfícies.

Esse tipo de onda é capaz de se propagar por materiais como vidro, metal e plástico. A Redux já teria feito testes com um monitor de PC, de acordo com a CDP e notado uma melhora drástica na qualidade de som do aparelho. Sinistro, né?

Com o Google investindo em hardwares como os smartphones da linha Pixel e speakers, como o Home, não deve demorar muito até a gente saber como a empresa pretende utilizar a tecnologia da Redux.

Curtiu o texto? Saiba que isso é só um gostinho do que é publicado diariamente na newsletter do The BRIEF, que traz as principais notícias do mercado de tecnologia pra você, todas as manhãs. É serious, é business, mas com um jeitão bem descontraído (#mozão). Para assinar, é só clicar ali -> aqui

Google compra startup capaz de moldar ondas sonoras de um jeito sinistro via The Brief

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Google compra startup capaz de moldar ondas sonoras de um jeito sinistro