Apenas para os mais corajosos! O grupo japonês GMO Internet decidiu que os funcionários poderão receber, se quiserem, parte do seu salário em Bitcoins. Essa inciativa busca promover a propagação da moeda virtual na empresa e no país.

Para tornar atrativa a inciativa, a empresa, que possui mais de 4 mil colaboradores, oferecerá um bônus de 10% para quem estiver disposto a arriscar, visto que a volatilidade da moeda ainda é alta.

bitcoins

A companhia também pretende criar sua própria moeda, que será, basicamente, um token interno para que os empregados possam adquirir mais criptomoedas ou placas de mineração.

token

Em relação às placas, a empresa planeja criar uma tecnologia de processo de “7 nanômetros de ponta”, permitindo mineração de alto desempenho com menor consumo de energia, visto que os chips atuais geram gastos consideráveis.

mineração

Atualmente, as criptomoedas estão atuando mais como investimentos do que como dinheiro real. O valor dos Bitcoins cresceu consideravelmente no período de 1 ano: de cerca de US$ 800 (aproximadamente R$ 2,6 mil) para quase US$ 19 mil (em torno de R$ 62,5 mil). Você gostaria de receber parte do seu salário em moedas virtuais? Deixe sua opinião nos comentários.