A difusão do IBM Watson pelo mundo está acontecendo. O futuro pode ser mais próspero ainda para o robô através da nova parceria entre a IBM e o Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT). A sociedade terá duração de dez anos e o investimento será de US$ 240 milhões (aproximadamente, R$ 800 milhões). Não é à toa que tamanho recurso traria um nome para o projeto: MIT-IBM Watson Laboratório de Inteligência Artificial.

Os responsáveis pelo laboratório serão Dario Gil, vice-presidente da IBM, e Anantha P. Chandrakrasan, reitor da Escola de Engenharia do MIT. O trabalho acontecerá por meio da colaboração entre pesquisadores da Gigante Azul e professores e estudantes do Instituto. O foco dos trabalhos será em acelerar as possibilidades da utilização de inteligência artificial no cotidiano.

IBM e MIT parceria

Em questões acadêmicas, provavelmente o MIT publicará artigos relacionados às pesquisas que serão realizadas, além de liberar parte do código ao público. Quanto ao que cabe à IBM, com certeza os resultados positivos aparecerão nos produtos da empresa. O Instituto também tem pretensão de abrir algumas startups baseadas em IA.

MIT e IBM Tour

Em declaração ao site TechCrunch, Gil afirma que “A missão principal do laboratório conjunto é reunir cientistas da IBM e do MIT para moldar o futuro da inteligência artificial e alavancar as fronteiras da ciência”.

Como a parceria é recente, as ideias de pesquisa ainda estão surgindo. Um dos planos das empresas é pedir à comunidade acadêmica e aos cientistas da IBM para enviarem possíveis estudos para que o projeto possa começar. Mesmo sem algo concreto para o futuro da parceria, existe a intenção de se realizarem análises sobre computação quântica, visto que a IA pode ser um ótimo canal de desenvolvimento da área.

Watson

A esperança quanto ao desenvolvimento de novas tecnologias e abertura de empresas dentro da IBM e da comunidade de iniciação de Massachusetts é grande, principalmente nas áreas de Saúde e Segurança Cibernética.

Cupons de desconto TecMundo: