Alguns desenvolvedores já estão trabalhando em aplicativos que utilizam o ARKit, a nova ferramenta criada pela Apple. Para ajudar um pouco mais os que embararam nessa empreitada, a empresa disponibilizou algumas dicas daquilo que pode ser feito nas novas orientações encontradas na Human Interface Guidelines e voltadas a essa tecnologia.

Basicamente, esse guia menciona que os criadores precisam se atentar à segurança dos usuários, além de ajudá-los a navegar no campo da realidade aumentada, criar algo que seja confortável para quem entrar em contato com a tecnologia, desenvolver ilusões que sejam convincentes ao usar objetos realísticos e alguns outros detalhes.

“Desenvolver experiências com realidade aumentada que sejam intuitivas para iOS usando as melhores práticas são tópicos encontrados na Human Interface Guidelines, que explora novas amostras de códigos para o ARKit. Estamos ansiosos para ver seus aplicativos disponíveis para milhões de pessoas com o lançamento do iOS 11. Se você está trabalhando para criar uma experiência fantástica com o ARKit e quiser compartilhar conosco, avise-nos”, diz o texto no site do ARKit.

Estamos ansiosos para ver seus aplicativos disponíveis para milhões de pessoas com o lançamento do iOS 11

Compra antecipada

Somado a isso, a Maçã também ressaltou que o iOS 11 vai permitir que os usuários busquem por itens vendidos dentro do aplicativo diretamente da App Store e os comprem antes mesmo de baixar o app, recurso que os desenvolvedores devem incluir durante o processo de criação de seus softwares.

Cupons de desconto TecMundo: