Parece óbvio que a falta de experiência pode ser uma desvantagem profissional para cirurgiões, mas o que poucos imaginam é que muito tempo de serviço também pode prejudicar o desempenho do médico. De acordo com um estudo publicado pelo Brittish Medical Journal (BMJ), é mais provável que pacientes tenham um pós-operatório tranquilo quando são operados por médicos de meia-idade, ou seja, que estejam por volta dos 40 anos.

Para chegar a esse resultado, pesquisadores da Universidade de Lyon analisaram mais de 3.500 cirurgias de remoção da tireoide, realizadas por 28 profissionais em cinco hospitais franceses. A tireoidectomia foi o procedimento escolhido porque é realizada praticamente da mesma forma por todos os cirurgiões, além de não ter mudado muito ao longo do tempo.

Apesar disso, o estudo não chegou a uma conclusão definitiva sobre as causas desse resultado e os cientistas acreditam que esses motivos devem ser investigados futuramente. Em entrevista para a BBC, o professor da Royal College of Surgeons (RCS), Mike Larvin, afirmou que a análise demonstra como o aprendizado contínuo deve ser encarado com seriedade por esses profissionais.

Larvin também confirmou que, até o fim de 2012, os cirurgiões formados pela RCS passarão por uma avaliação periódica a cada cinco anos, para garantir que continuam se atualizando.

Cupons de desconto TecMundo: