(Fonte da imagem: Divulgação/Apple)

Na última segunda-feira (11 de junho), a Apple anunciou o lançamento dos novos Retina MacBook Pro. De maneira resumida, são os notebooks mais poderosos que a Apple já criou, contando com ótimos recursos de hardware e uma tela Retina de altíssima resolução. Apesar de ser mais caro do que os outros aparelhos, este computador viu os primeiros saírem voando dos estoques da Apple.

Isso já era de se imaginar, afinal de contas é comum vermos os aparelhos da empresa de Cupertino sendo esgotados rapidamente dos estoques. Mas o problema é que, dessa vez, algumas pessoas se aproveitaram da situação para lucrar – e muito – em cima dos consumidores que estão mais ansiosos para terem uma unidade do Retina MacBook Pro (e que não estão com paciência para as 5 semanas de espera).

Por isso, não é difícil encontrar os novos computadores no eBay, por preços que chegam a ser US$ 2 mil mais altos do que os cobrados pela Apple Store oficial. Conforme mostrou o MacWorld, um aparelho da versão mais básica pode ser encontrado na loja virtual por cerca de 3.900 dólares (1.700 a mais do que o preço de tabela). Em moeda brasileira, o lucro do vendedor seria de 3.500 reais.

Esperamos que essa ideia não chegue aos vendedores aqui do Brasil, onde os preços dos produtos da Apple geralmente são mais altos. Vale lembrar que aqui, os notebooks podem custar quase 16 mil reais.

Fonte: MacWorld

Cupons de desconto TecMundo: