Mais recente lançamento da fabricante sul-coreana, o smartphone top de linha LG G6 passou por um dos famosos "testes de resistência" para definir se ele aguenta ou não certas situações cotidianas. O responsável da vez foi o canal JerryRigEverything.

Em vez de colocar o aparelho para quebrar em prensas hidráulicas, aplicar forçar descomunais ou derrubá-lo do centésimo andar, o responsável resolveu fazer uma análise mais objetiva e realista. Assim, dá para ter uma ideia ainda melhor da composição e da estrutura do smartphone.

Confira:

No teste de riscos, o resultado foi o esperado para um dispositivo com Gorilla Glass 3 — ele aguenta várias esfregadas com um objeto cortante, mas tem seu limite. Como essa proteção de vidro se expande ao longo do painel frontal, ela garante integridade também à lente da câmera frontal, além da logo da LG na parte inferior. O metal das laterais e o vidro da traseira também não são criticados, inclusive no sensor biométrico. Porém, é recomendado que você use um case ou uma skin, já que o vidro da câmera traseira encosta diretamente nas superfícies quando você o deixa em uma mesa, por exemplo.

E o resto?

No teste de incêndio, os pixels do LG G6 começam a desaparecer poucos segundos mais rápido que o normal, mas a tela não apresenta problemas — e, em caso de fogo em excesso, isso seria o menor dos seus problemas.

O melhor resultado de todos foi no teste de dobra. O vidro dele fica por baixo do frame de metal, o que significa que a estrutura é bastante rígida e ganha força adicional quando dobrada. Assim, não é qualquer dano quando as extremidades são torcidas — e o aparelho nem parece entortar tanto, mesmo com bastante força aplicada.

Cupons de desconto TecMundo: