O smartphone de tela curva LG G Flex 2 passou por um teste de resistência feito pelo canal Digiato. A estrutura é tida ao mesmo tempo como ergonômica e resistente, mas será que ele se mantém inteiro e funcionando depois de tantas pancadas?

A primeira parte do teste é derrubar o aparelho algumas vezes de uma altura razoavelmente alta em um piso rígido e ver o que acontece. Na primeira queda, as duas extremidades ficaram danificadas (a de baixo bem mais que a outra, com rachaduras visíveis), mas o dispositivo continuou funcionando. O mesmo aconteceu quando ele caiu com a câmera virada para o asfalto.

Quando ele foi derrubado com a tela para baixo, entretanto, a perda foi total: o display rachou completamente.

A hora da verdade

O segundo teste foi passar um rolo compressor por cima do smartphone. A LG diz que o aparelho segura até 900 kg de pressão sem quebrar e foi exatamente isso (com alguns quilos a mais, claro) que o canal testou. O resultado? A traseira foi completamente danificada e a tela ficou ainda mais destruída, mas a curvatura do display foi preservada.

Na última bateria de tester, o rolo compressor teve a pressão ampliada ainda mais. Até a câmera se quebrou, mas a integridade do aparelho foi mantida, o que é um ponto positivo para a fabricante.

Cupons de desconto TecMundo: