A Lenovo segue mostrando um crescimento sólido nas vendas de computadores. Segundo o Slash Gear, a empresa asiática pode, até o fim de 2012, assumir o posto de líder do setor, desbancando “apenas” a Hewlett-Packard para se tornar a maior vendedora de PCs de todo o planeta.

O avanço nas vendas da empresa se mostra forte desde o ano passado, quando a Lenovo ultrapassou as vendas da Dell no terceiro trimestre de 2011. Na época, a companhia já dominava 14,9% do mercado mundial, apenas 0,6% atrás da líder global, a HP.

Contudo, analistas apontam que este crescimento exponencial da Lenovo foi conseguido graças ao sacrifício dos dividendos da empresa. Ou seja: a companhia teria diminuído consideravelmente as suas margens de lucro para conseguir vender produtos mais baratos e, com isso, atingir uma fatia maior do mercado.

Além disso, esse crescimento sofreu um pequeno baque já em 2012, pois, além da queda nas vendas devido à popularidade cada vez maior dos tablets, há também muita expectativa do mercado quanto ao lançamento de produtos trazendo o Windows 8.

E, se o sistema operacional pode se mostrar uma oportunidade, o novo programa da Microsoft também é uma grande ameaça ao mercado da Lenovo. Isso porque estamos falando de um sistema operacional desenvolvido também para tablets – o que pode causar uma debandada de mercado para este outro produto.

Vamos ver como a companhia lida com todos esses desafios, tudo para assumir o primeiro lugar. Além disso, vale lembrar que a empresa deve investir cerca de 30 milhões de dólares em uma nova fábrica de desktops e notebooks no Brasil

Fonte: Slash Gear

Cupons de desconto TecMundo: