Conhecida por apostar bastante no Windows 10 em seus aparelhos híbridos, a Lenovo trocou o sistema da Microsoft pelo Android no novo Yoga A12. Anunciado oficialmente nesta segunda-feira (6), o produto tem tela de 12,2 polegadas e é vendido como um tablet, embora suas características o aproximem bastante de um laptop de baixo custo.

Assim como acontece com o Yoga Book, o novo gadget acompanha um teclado com características planas que também serve como uma espécie de proteção para o display sensível a toques. O acessório vibra em resposta a seus toques e é configurado para aprender e se adaptar a seus hábitos de uso, também atuando como uma área na qual você pode realizar desenhos.

A principal diferença do A12 em relação a outros modelos semelhantes lançados pela Lenovo é seu preço. O gadget deve chegar às lojas dos Estados Unidos por somente US$ 299 (R$ 934), o que dá direito a um processador Intel Atom x5, 2 GB de memória RAM e um sistema de áudio compatível com a tecnologia Dolby Atmos. O dispositivo tem 32 GB de memória interna e uma bateria que promete 13 horas de uso contínuo em uma única carga.

Ao que tudo indica, a Lenovo não pretende produzir uma versão Windows 10 do tablet no futuro, o que significa que aqueles interessados no sistema ainda tem o Yoga Book como melhor opção. Segundo a fabricante, o dispositivo deve começar a ser vendido na próxima quarta-feira (8) nas cores Gunmetal Grey e Rose Gold através de seu site oficial.

Cupons de desconto TecMundo: