Sabe quando seus pais ou os de algum amigo diz aquela célebre frase “esse povo não tem mais o que inventar”? Parece que, desta vez, eles podem finalmente estar certos. Isso porque uma dupla de geeks da Bélgica parecem ter criado a publicação sensual definitiva para aficionados por tecnologia com desejos peculiares. Deixando de lado a ideia batida de mostrar a intimidade de celebridades com pouca – ou nenhuma – roupa, a Playgeek escolhe outras figuras ilustres para despir até a última peça: máquinas e outros produtos tecnológicos.

Pode parecer um tema estranho – e não vamos discordar disso, juro! –, mas o projeto aposta na curiosidade das pessoas em ver diversos maquinários por dentro, como se fosse uma versão safadinha de iniciativas como HowStuffWorks. A promessa dos belgas é acabar com horas de buscas e pesquisas em sites obscuros à procura de imagens que mostrem as entranhas de equipamentos mecânicos. Assim, o objetivo é uma publicação que trate o assunto com uma certa seriedade e – por que não? – de forma estilosa e sexy.

É possível escapar desse olhar? Dica: é!

Para Lieven e Kurt, pais da Playgeek, a vontade de fazer algo assim partiu do fato de eles mesmo curtirem observar fotos de produtos com seus interiores expostos e discutir sobre como cada peça funciona e se integra com as outras na montagem. A ideia foi tão longe que, para testar a recepção do público, a dupla e alguns amigos criaram um episódio no qual era exibido um ensaio sensual de uma lavadora de roupas ao programa de TV belga “Schuur van Scheire” (O Celeiro de Scheire). Acredite se quiser, mas a recepção do público foi boa.

Eles juram que não é brincadeira

Garantindo que não é nenhum tipo de projeto de zoeira ou algo do tipo, eles optaram por contar com a colaboração dos internautas de todo mundo ao criar uma campanha no Kickstarter. Pedindo 29 mil euros – cerca de R$ 95 mil – para levar a empreitada à frente, os rapazes prometem versões digitais e físicas da revista que, se tudo der certo e for financiada, deve ser lançada em outubro deste ano.

Quem disse que a tecnologia não pode ser sensual?

Já imaginou uma máquina de ressonância magnética totalmente livre de suas “roupas” usuais, deitada gentilmente sobre a areia de uma praia paradisíaca ou o interior de um reator de fusão nuclear posando em um celeiro rústico, revelando cada centímetro de suas peças? Eu também não, mas, em todo caso, para quem se interessar basta acessar a página da Playgeek no site de financiamento coletivo e fazer sua colaboração.

Em tempo: os autores garantem que mesmo os mais comportados podem se divertir com a revista, já que ela será recheada de textos técnicos explicando o funcionamento dos produtos. E aí, curtiu a ideia? Deixe seu comentário mais abaixo.

Cupons de desconto TecMundo: