(Fonte da imagem: Reprodução/Forbes)

Conhecido por filmes como “Duro de Matar” e “O Sexto Sentido”, Bruce Willis está processando a Apple devido aos termos de serviço usados na loja iTunes. O ator acionou seu time de advogados após descobrir que todo o conteúdo que ele adquiriu na loja simplesmente deixará de existir depois de sua morte, sem que suas filhas Rumer, Scout e Tallulah possam acessá-lo posteriormente.

Ao contrário do que acontece com mídias físicas, arquivos digitais somente são licenciados das lojas em que são adquiridos. Em outras palavras, a empresa da Maçã simplesmente “empresta” músicas, filmes e livros digitais durante o tempo estabelecido em contrato — no caso, até a morte da pessoa que possui uma conta na loja.

Willis está criando uma espécie de fundo responsável por manter todos os seus downloads, forma de se assegurar que eles vão estar disponíveis para seus herdeiros. O ator também promete apoiar iniciativas legais responsáveis por aumentar o direito de quem usa sistemas do tipo, o que deve gerar alguma discussão sobre a legalidade dos termos de serviço utilizados pelo iTunes e outras lojas virtuais.

Fonte: The Sun

Cupons de desconto TecMundo: