A cada renovação de uma linha de smartphones, diversas novidades são inclusas nos aparelhos, em sua maioria a pedido de usuários. Atualmente, as empresas interagem muito com sua base de fãs para saber o que eles buscam nos dispositivos sucessores. Confirmando rumores, a Apple trará um modelo com duas câmeras traseiras (no caso do Plus), e esse componente será uma peça-chave na publicidade dos novos celulares, que processarão as capturas em formato RAW. Como será a qualidade das fotos? Algumas amostras, muitas delas já presentes no anúncio da última quarta-feira, brotaram na rede para que possamos ter uma ideia disso – ainda que seja necessário ter cautela com o material.

As imagens estão completamente intocadas e saem diretamente do armazenamento de um iPhone 7 e um iPhone 7 Plus. O conteúdo foi publicado no site da Apple, ou seja, todas as fotos têm caráter oficial. Por se tratar de um momento quente para a Maçã, que quer vender seus peixes recém-anunciados, é interessante observar as imagens com aquela dose de cautela, pois é claro que, aos olhos da publicidade, o embelezamento de conteúdos visuais é algo natural. Ainda assim, as fotos estão muito bonitas. Confira só (lembrando que há leve compressão para a galeria a seguir):

Durante a apresentação dos aparelhos na última quarta-feira, Phil Schiller, um dos principais executivos da companhia, deu grande ênfase às câmeras e se alongou nos detalhes sobre os componentes. O chefão reforçou que o novo e melhorado sensor de 12 MP do iPhone 7 é “60% mais rápido” e “30% mais eficiente” que o modelo anterior, o 6s.

Há 4 LEDs que ajudam a iluminar os entornos do ambiente, mais ou menos como o flash sempre fez, só que de maneira mais técnica e refinada. Jogar muita luz sobre um objeto, no entanto, pode “lavar” a foto, e a Apple diz que “nós saberemos quando fazer isso ou não”.

O modelo Plus, por exemplo, mais uma vez leva sutil vantagem sobre o iPhone 7 comum. O aparelho maior tem zoom óptico de 10x graças à interação entre as duas lentes, melhorias na captação de luz, uma vez que há compensação das lentes, e efeitos de foco e profundidade de campo profissionais. Basicamente é uma captura de duas fotos, que passam por junção em um pós-processamento — criando efeitos de altíssimo nível fotográfico em comparação às imagens comuns, algo catapultado, também, pelo luxuoso formato RAW.

O que você achou das fotos? E como estão suas expectativas para os novos iPhones? Compartilhe seu pensamento conosco na seção destinada aos comentários, logo abaixo.

Cupons de desconto TecMundo: