Contrariando rumores anteriores, o pessoal do WCCF Tech encontrou informações que apontam a Qualcomm como fornecedora de chips 4G LTE dos próximos iPhones em vez da Intel. Ao que tudo indica, a criadora dos Snapdragons “venceu a concorrência” por oferecer um chip de 20 nm quando a Intel tinha um de 28 nm.

Não fica claro quais teriam sido os reais motivos da Apple para escolher a Qualcomm em vez da Intel, mas a arquitetura de construção parece ser algo suficientemente convincente, uma vez que isso resultaria em um chip menor e que consome menos energia.

Apesar disso, a Intel deve voltar a fornecer esses componentes para a Maçã em 2017, provavelmente a tempo dos lançamentos dos “iPhones 7S e 7S Plus”, se é que esses serão mesmo os nomes dos smartphones da Apple até lá.

Algo bom vindo por aí?

Não se sabe exatamente que tipo de acordo teria sido feito entre Intel e Apple para essa suposta data de retorno da parceria, mas podemos imaginar que a fabricante de chips tenha alguma tecnologia bastante interessante em desenvolvimento para ser lançada em 2017. Contudo, isso não passa de especulação.

Quanto aos iPhones 6S e 6S Plus, que estão para chegar ao mercado, suas velocidades 4G devem estar na faixa do Cat. 6, máximo suportado pelos componentes da Qualcomm.

Cupons de desconto TecMundo: