Por mais poderosos que os smartphones sejam, às vezes basta que um deles caia de uma altura mediana para que a tela se espatife, o dispositivo se abra todo ou que simplesmente pare de funcionar por conta do impacto. As capinhas de proteção dão uma ajuda nesse sentido, mas mesmo o case mais reforçado teria dificuldade em manter funcionando um celular que passasse por uma queda livre de cerca de 150 metros, não é?

Normalmente, esse seria o caso, com o resultado sendo um montinho de vidro, metal e plástico espalhado pelo chão – além de um usuário bastante triste. Porém, o iPhone 6 de um fotógrafo passou pela experiência e sobreviveu para contar história. Catalin Marin estava tirando fotos e registrando alguns clipes em um apartamento no 40º andar de um prédio quando o aparelho escorregou de sua mão e desceu em alta velocidade pelo lado externo do edifício. Para tornar o caso mais interessante, a queda monumental foi gravada e você pode vê-la abaixo.

Para provar sua história, Marin publicou o vídeo em seu perfil no Instagram, mostrando o breve voo do smartphone da Apple. Se engana quem acha que o rapaz teve que fazer alguma gambiarra para recuperar o arquivo do produto todo detonado depois da queda. Isso porque, apesar de toda história a respeito da fragilidade dessa linha de produtos e dos iPhone dobrando no bolso dos usuários, o heroico dispositivo em questão não só ficou vivo como se manteve completamente funcional.

Assim que o relato do fotógrafo se espalhou, centenas de pessoas questionaram se era verdade que o telefone tinha ficado inteiro depois de uma viagem daquelas até o chão. A insistência foi tanta, que ele resolveu fazer outra postagem para mostrar o estado do aparelho – que se salvou com apenas algumas escoriações. A imagem colocada na rede social exibe a parte traseira do iPhone 6 com um pequeno amassado, ao mesmo tempo em que a porção frontal revela a tela totalmente intacta.

Será esse o escolhido?

Será que essa é uma versão superpoderosa do celular ou é um caso semelhante àqueles de pessoas que sofrem acidentes supostamente fatais, mas que saem andando como se nada tivesse acontecido? Assista ao vídeo – tente não ficar zonzo, sério – tire suas conclusões e nos conte o que você achou dessa queda épica na seção de comentários.

Cupons de desconto TecMundo: