Confirmando rumores, a Apple lançou nesta terça-feira (21) uma nova versão do iPad em sua loja oficial. No entanto, o produto não é exatamente aquilo que muitos esperavam: abandonando a marca Air, o dispositivo com tela de 9,7 polegadas é um pouco mais grosso do que seu antecessor e traz o chip Apple A9 em seu interior.

Se por um lado o dispositivo não traz o hardware mais recente da fabricante (o A9X), por outro ele se destaca pelo preço de US$ 329 (R$ 1.007), US$ 70 a menos do que o Air 2 em seu lançamento. Já o público brasileiro não foi tão “abençoado” nesse sentido, tendo que pagar R$ 2.499 pela versão de 32 GB ou R$ 2.999 pelo modelo de 128 GB (versão WiFi), cujas vendas começam na próxima sexta-feira (24).

“Novos consumidores ou qualquer pessoa em busca de um upgrade vão amar esse novo iPad para uso em casa, na escola e no trabalho, com sua linda tela Retina, nosso poderoso chip A9 e acesso a mais de 1,3 milhão de aplicativos feitos especialmente para ele”, afirma Philip Schiller, vice-presidente sênior do marketing global da Apple.

A maioria das características do produto permanece a mesma em relação a seu antecessor direto, incluindo uma câmera traseira de 8 megapixels e uma lente frontal de 1,2 megapixel. O lançamento é acompanhado pelo fato de que agora o iPad mini 4 só vai ser vendido em seu modelo de 128 GB, que custa R$ 2.999 na loja oficial da empresa.

Cupons de desconto TecMundo: