Há exatamente oito anos, no dia 29 de junho de 2007, a Applelançava o seu primeiro smartphone, o iPhone original. Em uma apresentação empolgante, Steve Jobs subiu ao palco do MacWorld para revelar a “reinvenção do telefone”, como a própria empresa nomeou o aparelho à época.

O iPhone foi um sucesso imediato e revolucionou de fato os smarphones. O aparelho original vendeu mais de 6 milhões de unidades e foi nomeado pela Times como a invenção do ano.  Filas foram formadas nas portas das lojas da Apple dias antes do aparelho chegar ao mercado.

Nem tudo foi elogiado

Mas apesar das críticas positivas, algumas publicações ficaram um pouco receosas com o dispositivo, como é o caso do The New York Times e o The Wall Street Journal, que questionaram a velocidade lenta da AT&T (o aparelho era exclusivo da operadora nos EUA) e também a ausência de conexão 3G.

A Apple vendeu até hoje mais de 700 milhões de iPhones ao redor do mundo, um número surpreendente comparado ao tamanho da população mundial, de 7,3 bilhões de pessoas. A empresa alcançou números grandes porque simplificou o smartphone de diversas formas.

Smartphones da época do lançamento do iPhone original

Simplificar para inovar

Embora o iPhone não tenha sido o primeiro aparelho touch do mercado, ele foi o primeiro a dispensar o uso de uma caneta stylus. Além disso, ele era equipado com uma tela totalmente responsiva e que podia ser utilizada com os dedos (e funcionava muito bem).

Além disso, a interface criada para o iPhone era muito mais amigável que a dos modelos que existiam na época, com aplicativos desenhados exclusivamente para ele, fato que contribuiu e muito para a popularização do aparelho.

Protótipos do iPhone

Poderia ter sido bem diferente

O iPhone original apresentou um design simples, com apenas um botão físico e isso fez parte do seu sucesso. Mas ele poderia ter sido quadrado e com espessura irregular, conforme as imagens reveladas em um processo de patentes contra a Samsung.

Uma das soluções imaginadas pela empresa em seu protótipo inicial foi a de criar uma borda mais fina, algo que nunca apareceu em nenhum dos modelos, assim como formato quadrado, que jamais foi usado em qualquer iPhone lançado.

Cupons de desconto TecMundo: