As mensagens de texto voltaram a tocar o terror no coração – e nos dispositivos – dos usuários do sistema mobile da Apple. Calma, isso não é o repeteco de uma notícia de 2013 que indicou um bug bastante grave na plataforma e que foi bastante difundido no Brasil graças ao empenho do site Não Salvo. O software da Empresa da Maçã foi atualizado uma porção de vezes desde então, mas isso não impediu que o iOS 8 sofresse de um mal semelhante nesta semana. A boa notícia é que a empresa garantiu que está trabalhando firme para resolver esse bug.

Conforme noticiado anteriormente pelo TecMundo, a falha no iMessage permite que usuários mal-intencionados ou amigos sem limites para as brincadeiras causem um travamento generalizado nos iPhones, iPads e Apple Watches alheios ao enviar um texto contendo um conjunto específico de caracteres arábicos. Independentemente de a “frase” ser enviada por SMS, WhatsApp ou Twitter, basta que apareça como uma notificação para que o prejuízo seja causado imediatamente ao aparelho da vítima em potencial.

De forma mais veloz do que no episódio de 2013, a Apple afirmou à página do CNBC que já está a par do caso e ele deve ser resolvido em breve – embora ainda não haja uma data específica para que os consumidores possam se sentir mais seguros. “Estamos cientes de um problema com o iMessage causado por uma série de caracteres Unicode e iremos disponibilizar uma correção para isso em uma atualização do software”, informou um representante da empresa ao site de notícias na quarta-feira (27).

Caso já esteja sofrendo com o bug ou quer se prevenir de ser pego de surpresa pela “brincadeira”, confira as dicas levantadas pelo TecMundo na matéria original a respeito dessa mensagem da morte que anda afetando o iOS. Você já se deparou com o problema no seu dispositivo? Conte sua experiência mais abaixo, na seção de comentários.

Cupons de desconto TecMundo: