A Apple divulgou recentemente seu relatório de adoção para as últimas versões do seu sistema operacional, especificando quantos dos usuários de seus dispositivo usam o iOS 8, quantos ainda estão no iOS 7 e quantos continuam nas variantes anteriores. Segundo os dados, a opção mais recente finalmente figura em mais da metade dos aparelhos da Maçã.

Entre os dias 5 e 27 de outubro, a fatia do iOS 8 (que inclui a recente atualização 8.1) aumentou de 47% para 52%, enquanto a sétima versão caiu de 47% para 43% – as edições anteriores do sistema operacional foram de 6% para 5%, o que pode significar um simples reajuste do arredondamento. Os números foram coletados a partir dos dispositivos que acessaram a App Store no período.

Lançado há mais de um mês, a demora para que a última versão do SO se tornasse dominante só vem para reforçar a adoção mais lenta do sistema em comparação com o mesmo período para o iOS 7 e o 6. Com vários motivos possíveis, a lentidão foi notada pela primeira vez por sites especializados em rastrear dados do tipo e foi confirmada pela própria Apple pouco tempo depois.

Resolvendo a questão

Entre as possíveis razões que levaram os usuários dos aparelhos da Maçã a se segurarem com relação à atualização estão o medo de bugs ou a falta de interesse pelos novos recursos. No entanto, o motivo mais provável é o tamanho do update, que requer cerca de 5 GB de espaço livre caso seja realizada por vias sem fios.

Caso esse realmente se confirme como um fator primário, cabe à Apple descobrir formas de incentivar seus usuários a conectar seus aparelhos a um computador e usar o iTunes para fazer a atualização, o que permitiria abrir espaço temporário e fazer o update por USB. Ainda assim, uma taxa de adoção superior a 50% não é nada insignificante, de forma que a empresa dificilmente teria com o que se preocupar.

Ao mesmo tempo, é improvável que os desenvolvedores deixem de usar recursos específicos do iOS 8, o que por sua vez deve incentivar cada vez mais usuários a migrarem para a versão mais recente do sistema em busca de aplicativos novos e atualizados. Por fim, a Apple já estabeleceu que será necessário que todos os apps e updates usem o SDK do SO mais atual e incluam suporte a 64 bits a partir de fevereiro de 2015, encerrando a questão.

E você, já migrou para o iOS 8? Gostou de algum recurso específico da nova versão? Possui críticas? Deixe sua opinião nos comentários.

Cupons de desconto TecMundo: