Final da Champions League 2021: como e onde assistir

1 min de leitura
Imagem de: Final da Champions League 2021: como e onde assistir
Imagem: UEFA/Divulgação
Avatar do autor

Manchester City e Chelsea vão decidir a UEFA Champions League 2020/2021 no próximo sábado (29), no Estádio do Dragão, na cidade do Porto (Portugal). A aguardada final entre os times ingleses começa às 16h (horário de Brasília) e terá transmissão ao vivo na TV e na internet.

Os fãs do futebol no Brasil que quiserem assistir à decisão pela TV precisarão recorrer à TV por assinatura, pois nenhuma emissora aberta transmitirá a partida. A exibição ficará restrita ao canal TNT, disponível em várias operadoras, além de ser encontrado em plataformas como o DirecTV Go.

Já para quem prefere ver a final da Liga dos Campeões online, há duas alternativas. Uma delas é por meio do Estádio TNT Sports, novo serviço de streaming do Grupo Turner, que substituiu o EI Plus. O acesso, exclusivo para assinantes, pode ser feito no app para Android, iOS e smart TVs, além da versão web.

Quem fica com o título: Manchester City ou Chelsea?Quem fica com o título: Manchester City ou Chelsea?Fonte:  Facebook/UEFA Champions League 

A outra opção para assistir a Manchester City x Chelsea pela internet é por meio do perfil da TNT Sports Brasil no Facebook. Neste caso, o acesso é gratuito para todos os internautas, bastando conferir a transmissão pela página do canal na rede social, usando o celular, computador ou qualquer outro dispositivo.

Final terá presença de público

Ao contrário da edição anterior, quando a final entre Bayern e Paris Saint-Germain também realizada em Portugal não teve público, por conta da pandemia do novo coronavírus, desta vez haverá torcida. Segundo a organização da Champions League, será permitida a presença de 12 mil torcedores no estádio.

Esta permissão para a participação das torcidas foi, inclusive, a responsável por mudar o local da decisão, anteriormente marcada para Istambul, na Turquia, país que está na “lista vermelha” da Inglaterra. Dessa forma, quem fosse ao jogo, incluindo os atletas, precisaria fazer quarentena de 10 dias ao voltar para casa.