Livro sobre Trump já está sendo pirateado antes do lançamento

1 min de leitura
Imagem de: Livro sobre Trump já está sendo pirateado antes do lançamento
Imagem: Business Insider
Avatar do autor

Apesar de o governo dos Estados Unidos tentar impedir a venda do livro The Room Where it Happened, que promete revelar bastidores da gestão de Donald Trump, ele será publicado nesta terça-feira (23). O título já é o mais vendido da Amazon norte-americana e pode ser encontrado em uma série de sites piratas.

O escritor da obra é o ex-conselheiro de Segurança Nacional do presidente Donald Trump, John Bolton. O diplomata alega irregularidades na gestão do presidente e diz ele tem "a obstrução da Justiça como meio de vida".

Bolton ainda questionou o processo de impeachment que foi aberto contra Trump em 2019. Na ocasião, o presidente foi acusado de obrigar a Ucrânia a incriminar seu opositor democrata Joe Biden. Segundo o ex-assessor, Trump ainda teria pedido ajuda da China para aumentar as importações de produtos para impulsionar sua própria reeleição. Para o Bolton, a Câmara deveria ter investigado ambas situações.

Livro The Room Where it Happened do escritor John BoltonLivro The Room Where it Happened do escritor John BoltonFonte:  Datebook/Reprodução 

Obra teria "informações confidenciais"

O governo republicano tentou impedir o lançamento do livro sob a justificativa de que a obra teria informações de inteligência confidenciais. Apesar disso, o pedido foi negado. Segundo o juiz Royce Lamberth, responsável pelo caso, seria "tarde demais para barrar" a publicação — já que o pedido foi feito após a obra já ter sido impressa e distribuída em vários países.

Em sua declaração, o magistrado revelou preocupações sobre a postura do ex-assessor, alegando que o livro poderá ter uma repercussão negativa na segurança dos Estados Unidos.

Sites piratas publicam o livro

Caso o pedido fosse aceito pela Justiça, os efeitos não seriam tão diferentes, já que o livro foi publicado em inúmeros sites piratas — incluindo o Pirate Bay, que adicionou o título à lista de mais baixados do site.

Uma versão não autorizada também foi divulgada no Twitter por um grupo chamado Distributed Denial of Secrets. A publicação, contudo, foi removida após receber uma advertência da empresa ViacomCBS, dona da editora do livro, Simon & Schuster.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Livro sobre Trump já está sendo pirateado antes do lançamento