YouTube: será mais difícil ter um canal verificado

1 min de leitura
Imagem de: YouTube: será mais difícil ter um canal verificado
Avatar do autor

Recentemente, o YouTube anunciou mudanças no processo de verificação para os canais de sua plataforma. Antes, para receber o selo de verificação, o canal tinha que preencher o requisito de 100 mil inscritos. Com a nova atualização, a verificação ficará mais difícil, pois será baseada na originalidade de conteúdo e destaque.

O novo processo de verificação será lançado no final de outubro. Quando entrar em vigor, qualquer canal que atenda os novos requisitos receberá o selo de verificação automaticamente. Os que não receberem serão notificados, com a possibilidade de seus donos recorrerem, caso se sintam injustiçados.

Fonte: Pexels/Reprodução

A medida pode melhorar a geração de novos conteúdos

A atualização do YouTube pode promover a melhora na geração de novos conteúdos, uma vez que poderá evitar que canais que apenas replicam informações sejam considerados relevantes. É claro que devemos ficar atentos para o que a Google vai julgar como “conteúdo autêntico”.

Mas, de uma forma geral, já há uma grande quantidade de canais com milhares de inscritos, que não transmitem nenhum tipo de conteúdo interessante que seja produzido por eles mesmos.

O formato da verificação também mudará

A plataforma também vai mudar como o sinal de verificação será apresentado. Em vez da marca de seleção ao lado do nome do canal, o plano de fundo do texto receberá a cor cinza. Esse método dificulta até mesmo a falsificação da verificação.

De acordo com o TechCrunch, o novo processo será realizado em parte por funcionários humanos, e em parte por algoritmos automatizados.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
YouTube: será mais difícil ter um canal verificado