Na madrugada de hoje, o Go Daddy deu 24 horas para o site Daily Stormer fazer a migração de sua plataforma de hospedagem para outro serviço porque a publicação racista e neonazista estava violando seus termos de uso. Com isso, os administradores do periódico resolveram mudar para o Google Sites só para serem expulsos novamente. Dessa vez, pouco mais de três horas após a migração ter sido feita.

O Go Daddy afirmou ter expulsado o site de sua plataforma depois da publicação de um artigo que celebrava diretamente o assassinato de Heather Heyer, a mulher que foi morta atropelada em um “contra protesto” aos neonazistas no interior dos EUA. Um criminoso atropelou uma multidão de pessoas que gritava palavras de ordem contra a intolerância no país, mas somente Heyer foi morta nessa ocasião. Contudo, outras fatalidades foram registradas decorrentes da violência promovida pelos protestantes racistas.

Assassinada por neonazistas nos EUA, Heather Heyer recebe tributo

A Google, por sua vez, não deu uma declaração oficial sobre o assunto, mas é provável que os termos de uso da empresa também proíbam a veiculação de apologia ao ódio e ao assassinato através de seus servidores. Fora isso, podemos imaginar que nenhuma grande empresa que ofereça registro de domínios e hospedagem de sites queira uma publicação como o Daily Stormer em sua base de usuários.

Cupons de desconto TecMundo: