(Fonte da imagem: Reprodução/WhasingtonPost)

Conforme noticiamos hoje, a Microsoft admitiu através de um comunicado oficial que uma falha gravíssima no Internet Explorer permite ao hacker ter controle total da máquina. A brecha possibilita que o usuário mal-intencionado consiga instalar softwares e visualizar e apagar dados através do navegador, ou seja, o hacker acaba virando o dono do seu PC.

Mas nós de Tecmundo não vamos deixá-lo na mão e, pensando nisso, mostraremos algumas maneiras de garantir que você não fique tão exposto quando estiver utilizando o navegador da Microsoft. É claro que, se você possui outro browser instalado, é altamente recomendável priorizá-lo temporariamente para evitar qualquer tipo de problema.

Ampliar

Desde a sua versão 10, o navegador oferece o “Modo Protegido”, que pode ser habilitado em qualquer momento e com poucos cliques. A orientação de habilitar o modo foi sugerida pela própria Microsoft e, segundo o site FireEye, ao ativar a configuração, você não vai ficar vulnerável.

Habilitar o "Modo Protegido" pode ajudar

Para habilitar o “Modo protegido”, vá em “Opções da Internet”, “Segurança” e mude o ícone “Habilitar Modo Protegido”.  Lembre-se de selecionar uma zona para alterar as configurações de segurança.

Ampliar

De acordo com o Fireye, outra opção seria desabilitar o Flash do seu browser. Além disso, existem outras formas mais técnicas que pode ser utilizadas, como instalar um software chamado Enhanced Mitigation Experience Toolkit (EMET) para configurá-lo com o IE. Tenha a certeza de baixar a versão EMET 4.1, que está configurada automaticamente para proteger o seu Internet Explorer.

A Microsoft deve lançar uma atualização muito em breve para corrigir a falha comunicada pela própria companhia. Ainda não sabemos se o Windows XP também vai receber o patch, já que o suporte ao sistema operacional encerrou-se no dia 8 de abril deste ano

Atualização disponibilizada pela Adobe 

Vale lembrar que você pode fazer o download do patch de atualização disponibilizado pela Adobe para cobrir a falha permitida pelo Flash. Portanto, se você é um usuário do Internet Explorer (aproximadamente 26% das pessoas são), não pense duas vezes para baixar. 

Cupons de desconto TecMundo: