Depois do vácuo deixado pela sexta versão do Internet Explorer, o navegador da Microsoft passou a ser tratado como uma espécie de “azarão” entre os softwares do gênero. Bem, parece que a empresa está realmente empenhada em reverter toda a mitologia criada em torno do programa. Prova disso é o novo anúncio veiculado pela companhia, no qual um típico “trollador” do IE é, pouco a pouco, convencido de que há um novo gás no browser (confira acima).

O vídeo parodia algo que virou praticamente “moda” na internet. Tratam-se dos comentários difamatórios/cômicos que são constantemente disparados em todos os cantos da web — entre postagens no Facebook, tweets e mensagens em fóruns. Há verdadeiros “clássicos”: “O IE é uma porcaria” (IE sucks) ou “O IE é bom apenas para baixar outros navegadores” (IE is only good to downloading other browsers).

Entretanto, as frases esculachando o navegador são alternadas com notícias de melhorias e opiniões positivas — indícios do que a Microsoft vem chamando de “retorno do IE”. Entre as vantagens alardeadas, aparecem as tentativas de manter o Internet Explorer atualizado com os protocolos mais recentes da internet, além da revisão pesada que foi feita para os lançamentos do Windows 7 e do Windows 8.

Uma tradição que não se apaga tão facilmente

A campanha publicitária organizada em torno do IE parece algo bastante natural, é claro. Entretanto, conforme a própria Microsoft deixa claro ao final do vídeo — em que o detrator genérico do navegador apenas passa a considerar o programa como “um pouco menos ruim” —, a cultura organizada em torno do desastrado IE 6 não deve desaparecer assim tão cedo.

Ademais, é impossível não imaginar que a tal retomada seja grandemente dificultada por um “oligopólio” desenvolvido naturalmente ao longo dos anos. Afinal, onde antes o Internet Explorer reinava praticamente isolado, há atualmente o Chrome, além dos diversos produtos da Mozilla e da Apple. Resta saber se o bom humor da Microsoft realmente vai funcionar.