A startup Perceptio pesquisa novas tecnologias que permitam a smartphones rodar seus próprios sistemas de inteligência artificial, sem que precisem depender de processamento externo. A companhia acaba de ser adquirida pela Apple, em um acordo que não teve maiores informações divulgadas, como é característico da empresa fundada por Steve Jobs.

Os fundadores da Perceptio, Nicolas Pinto e Zak Stone, são pesquisadores especializados em IA de reconhecimento de imagens. Eles se utilizam do método do “aprendizado profundo” (em inglês, deep learning), que permite ao sistema aprender a fazer a identificação e classificação de novos dados.

Apesar de a Apple não comentar o motivo da aquisição, já se especula que o principal motivo seja aumentar a segurança dos dados dos usuários. Uma vez que o processamento de imagens aconteceria dentro do próprio aparelho, não seria necessário depender tanto de repositórios de informação externos para fazer o sistema evoluir e aprender.

Com um menor número de informações sendo transmitidas, as chances de os arquivos do usuário serem acessados por terceiros diminui, além de reduzir a utilização do pacote de dados. É a segunda aquisição da companhia californiana em menos de uma semana, já que há apenas alguns dias a Apple confirmou a aquisição de uma startup britânica para melhorar o desempenho de sua assistente de voz, Siri.

Você acha que a tecnologia de hoje já permite que os smartphones "aprendam" sozinhos? Por quê? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: