Respire aliviado! Intel deve manter os atuais soquetes por mais alguns anos

(Fonte da imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

Após a novidade de que os processadores Ivy Bridge ganharão uma versão com baixo consumo de energia, a Intel confirmou também que a próxima geração de seus chips será desenvolvida em tamanhos menores e que a produção em larga escala dos produtos já deve acontecer no ano que vem. Segundo a Reuters, a Intel anunciou em uma conferência das Indústrias de São Francisco que já conta com tecnologias para fabricar tais processadores

De acordo com o Gizmodo, a companhia pretende bater de frente com a atual líder de mercado no ramo de processadores para gadgets móveis, a Qualcomm. E uma das ações nesse sentido é começar a produzir tecnologias com menor consumo de energia e que também tragam dimensões reduzidas.

Bem menores

Atualmente, os processadores da Intel são manufaturados em um tamanho-padrão de 32 nanômetros – algo significativamente maior do que os 28 nanômetros dos chips desenvolvidos pela sua rival, a Qualcomm. Agora, contudo, o contra-ataque da companhia promete chacoalhar o mercado.

De acordo com as informações, os novos processadores da Intel devem ser produzidos em 22 nanômetros, o que representa uma redução significativa de tamanho. Isso apresentando também um grande potencial de economia de energia e desempenho bastante satisfatório. Será que a líder mundial no mercado de processadores finalmente acordou para o mundo dos gadgets móveis?

Cupons de desconto TecMundo: