(Fonte da imagem: Reprodução/Real Life Instagram)

É fácil reconhecer uma foto tirada pelo Instagram: os filtros coloridos, as molduras e o número às vezes excessivos de hashtags dão uma nova cara a pontos turísticos, paisagens e cenas cotidianas. Mas nem todos possuem um aparelho pronto para fotografar ou o aplicativo instalado – e proporcionar essa sensação de que você está usando o serviço de edição e postagem de fotos é o que um brasileiro está fazendo pelas ruas de Londres e Manchester, na Inglaterra.

O responsável é o publicitário Bruno Ribeiro, que mora há sete anos no país europeu e resolveu criar uma intervenção artística para divertir o público e gerar algumas reflexões sobre a fotografia cotidiana, o Real Life Instagram.

Fora o fator engraçado de ver pratos de comida, pontos turísticos e até grafites na rua com cores e luzes modificadas, ele quer que você pense se é realmente necessário virar escravo do serviço e da tecnologia, especialmente da necessidade de fotografar absolutamente tudo e correr o risco de perder um momento importante e único.

A instalação foi relativamente barata, já que apenas cartolina e papel celofane foram usados na confecção das simulações de Instagram. Pelas fotos, a iniciativa foi um sucesso: turistas e fotógrafos não perdem a oportunidade de tirar um retrato da simulação de Instagram – provavelmente para postá-lo logo em seguida no próprio aplicativo. O trabalho inteiro pode ser conferido neste link.

Cupons de desconto TecMundo: