Nesta semana, foi anunciado o iPhone 4S, smartphone que chega para substituir o iPhone 4 como carro-chefe da Apple, tentando manter a liderança do mercado de portáteis. Apesar das grandes expectativas, poucas mudanças realmente significativas foram apresentadas na conferência de anúncio oficial.

Agora, os aparelhos contam com processador dual-core e câmera mais potente. Em comparação com o iPhone 4, não houve muito avanço, mas se utilizarmos o iPhone 2G (o primeiro deles, lançado em 2007) como referência, certamente veremos como o iPhone evoluiu. Está preparado para saber um pouco mais sobre as mudanças que ocorreram entre as gerações?

2007: iPhone 2G

Batizado apenas como iPhone, o aparelho ganhou o apelido 2G por oferecer apenas conectividade EDGE (padrão muito lento de conexão de dados). Como muitas empresas já haviam lançado smartphones com 3G, a imprensa e os fãs da Apple acabaram criticando bastante o lançamento do aparelho.

Por outro lado, o design do iPhone revolucionou o mundo da tecnologia. Tela multitouch e apenas um botão principal (Home) foram instalados para controlar o aparelho. Juntos com o sistema operacional intuitivo, fizeram do iPhone um enorme sucesso e abriram as portas da Apple para um mercado que viria a ser dominado no futuro.

2008: iPhone 3G

Um ano após a chegada do iPhone, Steve Jobs subiu novamente ao palco para apresentar a segunda geração dos smartphones da Apple. Com a adição da conectividade 3G e a exclusão da versão que oferecia apenas 4 GB de memória interna, o hardware apresentado pelo iPhone 3G não foi modificado e permaneceu com os mesmos recursos de memória e processamento.

O processador Samsung RISC ARM de 620 MHz continuou sendo utilizado com underclock para 412 MHz. A memória também permanecia a mesma: 128 MB. As verdadeiras modificações só viriam um ano depois, com o lançamento do iPhone 3GS.

2009: iPhone 3GS

Melhorias em vários componentes de hardware foram adicionadas na versão 3GS. O processador saltou para uma versão de 833 MHz (também com underclock: 600 MHz) e a memória dobrou (de 128 MB para 256 MB). Além disso, a câmera digital integrada ao iPhone foi melhorada, oferecendo 3 megapixels aos usuários.

Também foi criada uma terceira versão do smartphone, que passaria a contar com até 32 GB de memória interna para o armazenamento de músicas, fotografias, vídeos e aplicativos. O iPhone 3GS é vendido até hoje e possui números de vendas incríveis.

2010: iPhone 4

Mais uma revolução no smartphone. A quarta geração do iPhone chegou com muitas mudanças surpreendentes, fazendo com que a Apple ganhasse ainda mais fãs. A tela passou por uma alteração excelente, que modificou a resolução de 320 x 480 pixels para 640 x 960 pixels.

A memória dobrou novamente e chegou aos 512 MB. Quanto à capacidade de armazenamento, a grande modificação foi a exclusão da versão de 8 GB (que mais tarde seria lançada como versão econômica do aparelho). Pela primeira vez, o iPhone oferecia também uma câmera digital frontal para videoconferências.

2011: iPhone 4S

Muitos usuários ficaram realmente decepcionados com o anúncio do iPhone 4S. Todos esperavam por uma revolução no design do aparelho, mas apenas o processador e a câmera digital foram alterados. Memória RAM e resolução de tela permaneceram as mesmas, fazendo com que muitas pessoas hesitem ao responder se desejam ou não migrar para o iPhone 4S.

 A Apple promete que o processador A5 dual-core vai permitir que os gráficos fiquem até sete vezes mais poderosos do que na versão anterior, enquanto a velocidade de processamento pode ser dobrada. Mesmo assim, os consumidores não parecem ter ficado felizes com as poucas alterações.

.....

Os smartphones da Apple estão cada vez mais potentes. Mesmo quando não há muitas modificações no sistema, podemos esperar por bons números nas vendas dos aparelhos. E você, gostou da evolução dos iPhones? Acha que a versão mais recente do aparelho vai fazer o mesmo sucesso do iPhone 4? 

Infográfico por: Diogo Saito Takeuchi

Cupons de desconto TecMundo: