Entusiastas e especialistas no ramo de impressão 3D se reúnem hoje (20) em São Paulo capital para o 11º Seminário de Tecnologias Robtec, evento que visa debater as principais tendências e novidades do setor com foco no mercado brasileiro.

Como o próprio nome sugere, o congresso é organizado pela Robtec, empresa brasileira fundada em 1994 e especializada em comercializar soluções de prototipagem rápida.

Luiz Fernando Dompieri, diretor geral da companhia, abriu o evento com uma rápida palestra citando as principais novidades da marca para o ano de 2014. Como não poderia deixar de ser, o executivo destacou a aquisição da empresa pela norte-americana 3D Systems, fabricante da impressora Cube e de diversos outros equipamentos que a Robtec distribui no território brasileiro.

De acordo com Dompieri, a fusão traz inúmeros benefícios aos consumidores tupiniquins, que passam a perceber melhorias no suporte técnico oferecido pela companhia, preços mais atraentes, menores prazos de entrega para produtos importados, showrooms nacionais com dispositivos de última tecnologia abertos à visitação e uma equipe de especialistas treinados no exterior pela própria 3D Systems para resolver quaisquer problemas que um cliente possa ter em relação a sua impressora tridimensional.

ProJet 1200: precisão e velocidade invejáveis

Uma das principais novidades presentes no evento é a impressora doméstica ProJet 1200, que também é fabricada pela 3D Systems e importada pela Robtec. Sendo exposta pela primeira vez no território brasileiro, a máquina impressiona pelo design discreto – ela é mais ou menos do tamanho de uma cafeteira convencional e, diferente de outros equipamentos do mesmo gênero, possui a área de impressão completamente fechada.

Outro diferencial do modelo é sua agilidade (sendo divulgadas pela própria Robtec como a impressora 3D mais rápida de sua categoria) e inigualável precisão. Ela produz camadas de até 30 microns em 585 dpi, sendo perfeita para a produção de itens absurdamente detalhados como modelos de joias e implantes odontológicos. A área de impressão é de 43 x 27 x 150 mm.

A ProJet 1200 só pode desagradar alguns compradores em potencial por conta de um pequeno detalhe: ela só trabalha com um tipo específico de filamento – o VisiJet FTX Green, de coloração esverdeada –, impedindo o designer de fabricar protótipos com outras texturas, cores e resistência. A máquina começará a ser comercializada em breve pela Robtec, mas ainda não há previsão de preço. Nos Estados Unidos, o modelo custa US$ 4,9 mil.

Além da ProJet 1200, a Robtec também levou para o evento as já conhecidas Cube e CubeX – o primeiro modelo inclusive já foi analisado pela equipe do TecMundo e pode ser encontrada em lojas varejistas por pouco mais de R$ 6 mil. Também foram apresentadas algumas soluções para produção industrial, como a Projet 4500 e a Projet 5500X (capazes de imprimir objetos de grandes dimensões).

Cupons de desconto TecMundo: