A IBM anunciou nesta semana uma parceria com o Memorial Sloan Kettering Cancer Center, uma instituição sediada nos EUA dedicada a combater o câncer. Com essa parceria, a IBM espera ter mais capacidade de testar sua nova tecnologia de detecção de câncer de pele através de imagens. Não há muitos detalhes sobre que tipo de equipamento é utilizado ou como isso funciona, mas a companhia já consegue precisão de 97% no diagnóstico.

Isso é possível graças a um software desenvolvido especialmente para detectar padrões e aprender com eles a determinar resultados. Sendo assim, é possível identificar falhas na pele humana e detectar quando esses elementos são perigosos à saúde. Até hoje, a maior taxa de precisão humana no diagnóstico do câncer de pele foi 84%. Fora isso, a tecnologia da IBM pode fazer uma análise detalhada e precisa em menos de um segundo.

Estamos falando de uma ferramenta que pode se mostrar muito útil em clínicas de dermatologia, tornando avaliações médicas mais rápidas e confiáveis. Para melhorar esse software, a parceria da IBM está construindo um enorme banco de dados com imagens de diferentes tipos de câncer de pele para serem analisadas.

O líder dessa pesquisa é Noel Codella da IBM, que comentou ao site VB que o sistema cognitivo da empresa está trabalhando com essa base de dados para diagnosticar o câncer com mais eficiência e rapidez. Apesar disso, ele não fala em nenhuma expectativa de quando um equipamento utilizando a solução da IBM poderia ficar disponível em consultórios pelo mundo.

Cupons de desconto TecMundo: