Em grandes corporações, é comum os funcionários assinarem documentos com diversas cláusulas, entre elas a de não repassar informações importantes da companhia para os concorrentes. Entretanto, parece que alguns contratados da Huawei esqueceram essa valiosa informação ao fazer exatamente o que mencionamos aqui e acabaram pagando o preço disso.

De acordo com informações que estão circulando a rede, seis designers de produto da Huawei foram pegos compartilhando informações do grupo para a companhia chinesa LeEco, que está vendendo aparelhos de telefone com um preço um pouco mais em conta nos Estados Unidos e trabalhando em produtos como bicicletas e carros elétricos.

Por conta disso, os funcionários em questão foram presos e processados por suas ações. A LeEco, por sua vez, alega que não recebeu nenhum tipo de informação privilegiada vinda da Huawei, mas esta insiste que a concorrente já roubou duas de suas patentes tecnológicas, sendo uma para uma antena e outra de um relógio inteligente voltado para crianças.

Cupons de desconto TecMundo: