A HP emitiu um pedido de desculpas aos clientes que foram afetados pela atualização de software liberada pela empresa que impedia o uso de cartuchos paralelos em suas impressoras. Essa atualização foi muito mal recebida pelos usuários de impressoras da marca, assim como pela imprensa e órgãos de defesa do consumidor. O TecMundo relatou o ocorrido na semana passada. Confira os detalhes.

Frente ao problema, a Fundação Fronteira Eletrônica (Eletronic Frontier Foundation) enviou uma carta à HP pedindo a reversão do problema na qual era possível ler o seguinte:

“Clientes da HP deveriam poder usar cartuchos de sua escolha em suas impressoras pela mesma razão que os clientes da Cuisinart (uma marca de torradeiras e grills) devem poder escolher o pão que vai em suas torradeiras. A prática de prender o consumidor é justamente criticada por economistas e reguladores de concorrência por ser um convite ao monopólio de preços e redução concorrência. Clientes HP deveriam escolher cartuchos HP porque eles são os melhores, não porque a impressora deles não funciona com os de outras marcas…”.

Inundados

Essa carta repercutiu bastante na web, especialmente entre os clientes da fabricante, que inundaram os fóruns de suporte da empresa com reclamações acerca do problema. Por isso, hoje a companhia emitiu o pedido de desculpas e revelou que, os clientes que quiserem reverter a atualização, poderão fazer isso em breve.

Nós deveríamos ter comunicado melhor sobre a atualização de autenticação de cartuchos a nossos clientes e por isso pedimos desculpas

“Nós deveríamos ter comunicado melhor sobre a atualização de autenticação de cartuchos a nossos clientes e por isso pedimos desculpas. Mesmo que apenas uma pequena quantidade de pessoas tenha sido afetada, um consumidor que teve uma má experiência é um além do necessário”, escreveu Jon Flaxman, responsável pela divisão de suprimentos da empresa.

Ele ainda salientou que, dentro de duas semanas, uma nova atualização deve estar pronta para ser liberada, mas será de instalação opcional. Não ficou claro, mas parece que companhia vai continuar com a mesma política para novas impressoras, dando a opção de escolha apenas para os afetados no momento.

Cupons de desconto TecMundo: