Por mais que muito do hardware presente nas HoloLens já tenha sido revelado, o fato é que sua especificação mais importante – nada menos do que o HPU do sistema – continuam um mistério. Felizmente, o engenheiro de dispositivos da Microsoft Nick Baker veio revelar, durante uma conferência no evento Hot Chips, exatamente o que o coprocessador desse aparelho esconde.

Não deve ser surpresa para ninguém descobrir que o HPU é incrivelmente poderoso. Mas você provavelmente não esperava algo tão potente assim: segundo Baker o Holographic Processing Unit possui nada menos do que 24 núcleos, com uma fabricação personalizada pela TSMC em 28 nm. Pois é, ele tem em média três vezes mais poder bruto do que a maioria dos smartphones de ponta com seus processadores octa-core.

Acima, a apresentação de Nick Baker revela as tão misteriosas especificações do HPU

Achou que acabava por aí? Nem pensar. Segundo o site The Register, o HPU possui “65 milhões de portões lógicos, 8MB de memória SRAM e uma camada de 1 GB de memória RAM DDR3 de baixo-consumo, tudo em um pacote BGA de 12x12mm”. Junto disso, o coprocessador utiliza 10 instruções personalizadas para acelerar a velocidade de envio de instruções especiais entre ele e o processador comum do aparelho.

Tudo isso, como resultado, permite a eles executar um trilhão de cálculos por segundo – e ele ainda consume apenas 10W, uma quantidade baixíssima de energia para tanto poder.

Durante sua apresentação, Baker também aproveitou para mostrar algumas vantagens da arquitetura usada no coprocessador

Lembramos, é claro, que isso é apenas uma parte de todo o hardware das HoloLens. Com exceção do HPU, o dispositivo ainda conta com 114 MB de memória dedicada, 2 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento. Vendo isso, dá para perdoar que a empresa tenha colocado apenas um Atom x5-Z8100 para processar o resto do trabalho no celular.

Vale notar também que o HPU é projetado apenas para analisar as informações trazidas pelos sensores e as câmeras das HoloLens em tempo real. Mas com tanto poder o resto do hardware praticamente não deve ter problemas para cuidar do que sobrar.

Cupons de desconto TecMundo: