O mercado de computadores no geral não anda muito bem das pernas por uma série de motivos, mas um dos setores não passa por uma fase tão apocalíptica assim. Trata-se da área de hardware para games, que só tem a comemorar.

Isso porque, segundo um relatório da Jon Peddie Research, o mercado global de máquinas e acessórios para PC gamers só tende a crescer até 2018. Nos próximos três anos, ele passaria de US$ 24 bilhões, valor atual de mercado, para US$ 30 bilhões (R$ 117 bilhões).

De acordo com o documento, estamos em um ano de estabilidade ou até queda, mas o crescimento será retomado em 2016. Os entusiastas são os que mais contribuem para essa marca. É curioso como o dado vai contra o que ocorre atualmente com empresas como Dell, Lenovo e Intel.

Os motivos variam bastante. Para começar, há a chegada do mercado 4K. Por um lado, ela trará linhas novas de equipamentos que exigirão mais poder de processamento (e novas placas de vídeo, por exemplo. Por outro, ele deve impactar negativamente os notebooks gamers

Além disso, devemos levar em conta o lançamento de boas máquinas especializadas de fabricantes como a Alienware e a melhora no mercado de periféricos (teclados, mouses e headsets). Só esses acessórios devem arrecadar US$ 3,6 bilhões (até R$ 14 bilhões) em 2015.

Você acha que o mercado de hardware para games está mesmo em ascensão? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: