Evento fez competições de overclocking em 2D e 3D (Fonte da imagem: Reprodução/Ronaldo Buassali)

ASUS, Corsair e Intel realizaram um evento em San Francisco, nos EUA, que resultou na quebra de sete recordes mundiais de overclocking. Equipes de diversos países conseguiram levar o desempenho de computadores e componentes a níveis nunca antes alcançados em diversas categorias. O brasileiro Ronaldo Buassali, conhecido apenas como “rbuass”, foi um dos destaques do evento ao quebrar duas marcas mundiais. Uma delas foi na categoria “single card”, em que uma placa de vídeo sem pares é utilizada. A GTX Titan de Buassali chegou a operar a 1800 Mhz.

Para fazer a medição do desempenho das máquinas, no evento foram utilizados o 3DMark11, 3DMark Fire Strike e 3DMark Vantage, os mais importantes benchmarks medidores de performance da atualidade. Os recordistas do evento, além do brasileiro, foram “8 Pack” da Inglaterra e “Gunslinger” dos EUA.

Confira a galeria com imagens da preparação para o evento e da competição de fato.

Este artigo foi produzido em conjunto com o overclocker Ronaldo Buassali.

Cupons de desconto TecMundo: