O sistema de posicionamento global (GPS) está presente na maioria de nossos aparelhos. E, para além dos carros com navegação inteligente ou smartphones, outro setor promete despontar como próximo grande consumidor dessa tecnologia: a Realidade Virtual (VR) está sendo aprimorada e, logo logo, vai se mostrar presente e, quiçá, indispensável às nossas mais corriqueiras das tarefas.

A precisão dos localizadores, porém, ainda é incipiente – existem antenas que, mesmo calibradas, podem apresentar variações de posicionamento de até 10 metros. Mas o problema parece estar prestes a ser resolvido. É que pesquisadores da Universidade do Texas, em Austin (EUA), desenvolveram um sistema que realiza a localização de objetos móveis de modo extremamente apurado.

Sob o nome de “GRID”, o sistema foi criado a partir de um chip convencional extraído de um celular. De acordo com Todd Humphreys, professor-assistente do Departamento de Engenharia Aeroespacial e Engenharia Mecânica do centro de estudos, seria possível “entregar uma pizza na varanda dos fundos de um cliente” apenas por meio da tecnologia de posicionamento global (para se ter uma ideia, uma variação de menos de um grau é que se constitui como margem de erro do "GRID").

No vídeo postado acima, o Centimeter-Accurate GPS ("GRID") aparece em amarelo; em cinza, a tecnologia de posicionamento global usada atualmente por nossos aparelhos. Ambos os sensores estão acoplados ao headset do rapaz. A leitura é feita em tempo-real. O quadro do topo exibe a capcidade de resposta dos chips a partir de uma "visão aérea" sobre o objeto (celular) enquanto o segundo gráfico deixa claro o quão apurado o registro da orientação pode ser também feito.

Jogos interativos e carros mais seguros

Os pesquisadores vislumbram aplicações para o GRID que vão além dos mecanismos de navegação por mapas às custas de GPS. “Imagine jogos em que, no lugar de você estar em frente a um monitor, está correndo em seu quintal junto dos outros jogadores”. A proposta, apesar de ousada, é viável e depende de um sistema de rápida resposta de monitoramento espacial por satélite.

Além do posicionamento, a orientação dos objetos pode ser mensurada; o sistema de segurança de veículos também pode estar prestes a ser aprimorado. “Se você sabe exatamente a posição e a velocidade de um outro carro que está se aproximando fora de seu campo de visão, bloqueada pelo tráfego, seu veículo pode planejar uma estratégia para evitar a colisão”, diz Humphreys.

Cupons de desconto TecMundo: