Não faz muito tempo que a Google havia anunciado um recurso interessante para turistas e pessoas que costumam passear em pontos visados na cidade: a visualização de horários de pico. Sim, com esse tipo de visualização fica muito mais fácil programar a melhor hora para visitar algum lugar. Contudo, o recurso havia chegado inicialmente apenas aos EUA. Hoje, ao que parece, nativos e turistas também já conseguem receber essas informações em capitais brasileiras.

Como você pode notar nas imagens abaixo, fizemos o teste com três lugares na cidade de São Paulo (SP): o restaurante Terraço Itália, o Parque Zoológico de São Paulo e a Pinacoteca do Estado de São Paulo. Os três lugares que costumam ser destino de turistas e paulistanos já apresentam a visualização de horários de picos:

Porém, a maioria dos estabelecimentos e parques ainda não apresenta a novidade. Em nossa pesquisa, por exemplo, não vimos o recurso em locais como o Museu da Imagem e do Som, o Memorial da América Latina, a Estação da Luz, o Aquário de SP e muitos outros.

Se você ainda não entendeu como funciona a visualização dos horários, basta realizar a pesquisa no Google digitando o nome do estabelecimento. A novidade vai aparecer no lado direito dos resultados, no tópico "Horários de Pico".

Você conhecia o recurso de "horários de pico" no Google? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: