A Google lançou a página "Minha Conta", que fornece acesso rápido às configurações e ferramentas que permitem proteger os dados e a privacidade do usuário. Você também pode controlar o quanto de informação você vai compartilhar com a empresa de Mountain View.

A página nasceu diante da constatação de que 93% dos usuários acham que é importante o controle de acesso às informações pessoais, mas apenas 9% deles sentem que possuem esse controle. Os dados são da empresa de pesquisas Pew.

Na página "Minha Conta", há ferramentas que mantêm as informações seguras e colocam o usuário no controle – tudo em um só lugar. São basicamente três áreas distintas: login e segurança; informações pessoais e privacidade; e preferências de conta.

Tudo na mesma página

O número de opções para controlar a privacidade é bastante extenso, mas, se você quiser uma opção "resume aí, fera", há duas ferramentas: uma para verificação de segurança e outra para check-up de privacidade. Elas contêm algumas das configurações mais essenciais, que são divididas por tópicos em um guia passo a passo. Vale a pena dar uma visitada e conferir os itens.

Não permitir que a Google acesse certos dados faz com que os serviços sejam menos eficientes, de acordo com a companhia. Se você deixar ligada a atividade de envio de informações da web e de apps, as buscas são mais rápidas e relevantes, diz o blog da empresa. O histórico de localização permite que o Google Maps e o Now deem dicas mais direcionadas, por exemplo.

Junto com a página Minha Conta, a Gigante das buscas também publicou um FAQ que responde perguntas comuns, como "Quais dados a Google coleta?" e "O que a companhia faz com os dados coletados?". É um documento com respostas concisas, com links que permitem o aprofundamento no tópico.

Cupons de desconto TecMundo: