A Google está atualmente enfrentando na União Europeia um problema pela qual a Microsoft já passou: leis antitruste. A gigante das buscas domina quase 90% do mercado na Europa, e isso não agrada nem um pouco os legisladores daquele continente.

Segundo dados divulgados pela Financial Tmes, o parlamento europeu quer que a Google seja dividida em duas empresas: uma com a parte das buscas, e outra com todos os demais serviços.

Por enquanto, a companhia do Vale do Silício não se pronunciou oficialmente sobre esses problemas legais na Europa, mas algum comunicado deve ser divulgado em breve, visto que forças políticas uniram forças e podem realizar uma votação sobre o assunto logo na próxima quinta-feira.

A guerra entre a Google e a União Europeia começou em 2010, quando foi iniciada uma investigação antimonopólio que apontou que a Google estava ocultando seus competidores nas listas de resultados.

É importante ressaltar que, por si só, o Parlamento não tem suficiente autonomia como para obrigar a Google a se dividir. Contudo, se a causa conseguir uma boa parcela de suporte, a Comissão Europeia pode entrar na jogada e tornar as coisas mais difíceis para os empresários de Mountain View.

Cupons de desconto TecMundo: