(Fonte da imagem: Reprodução/CNET)

Você já pesquisou o seu nome no Google? Quais foram os resultados associados que você encontrou? Certamente um ou outro link relacionado a você pode ser uma surpresa, algo que você não lembre ou não tenha ficado sabendo que participou.

Uma situação similar a essa aconteceu com o norte-americano Christopher Viatafa, morador da cidade de San Leandro, na Califórnia. Ao pesquisar pelo seu nome ele acabou caindo no site da polícia local — no qual, para a sua surpresa, sua foto estava na lista de “mais procurados”.

Com peso na consciência ou apenas para mostrar que não devia nada, Viatafa decidiu comparecer à polícia — que ficava perto da sua casa — para pedir explicações. Chegando lá ele descobriu que estava sendo acusado de comportamento inadequado por ter disparado uma arma de fogo em uma área residencial.

Após ter se apresentado, Christopher foi indiciado pela acusação e vai responder a um processo por conta disso. No site da polícia local, o status da sua foto mudou de “wanted” (procurado) para “captured” (capturado). Talvez esse seja o primeiro caso na história de alguém que foi “capturado” a partir de uma simples pesquisa no Google.

Cupons de desconto TecMundo: