(Fonte da imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

Em 2010, os carros do Google Street View estavam realizando varreduras em diversas cidades brasileiras, capturando imagens que posteriormente seriam aplicadas ao serviço. Pouco depois disso, a empresa de Mountain View assumiu publicamente — junto com um pedido de desculpas — que teria coletado dados de uma maneira não autorizada de diversas redes com as quais teve contato.

No pedido de desculpas, a empresa afirma que só teve acesso a dados de redes desprotegidas. Ou seja, qualquer tipo de rede sem fio que utilizasse senha não teria sido ligada aos carros da Google. Mesmo assim, a empresa de Mountain View terá que prestar esclarecimentos à justiça brasileira, e alguns detalhes bem importantes sobre a utilização desses dados terão que ser revelados.

Onde eles estão atualmente e o que foi feito com eles naquela época? A justiça brasileira precisa de respostas para essas perguntas e também quer saber qual é a natureza das informações colhidas pelos veículos. Dessa forma, seria possível saber se estamos falando de apenas dados de tráfego comuns ou se foram capturadas senhas, informações mais relevantes ou outros dados similares.

A liminar que obriga a Google a prestar esses esclarecimentos foi concedida no último dia 12 de julho, data em que foi publicada no Diário Oficial. A Google tem cinco dias úteis para responder à intimação ou então será multada em R$ 15 mil por dia. Ainda não há indicação de movimentação por parte da maior empresa de internet do mundo em relação ao caso.

Por que os carros coletam dados?

Essa é uma dúvida que pode estar presente na mente de muitos leitores. Por que a Google estaria capturando dados enquanto as imagens eram feitas? Segundo a própria empresa, isso aconteceu porque os carros utilizam uma tecnologia de transmissão de dados que é responsável pelo envio das fotografias para servidores remotos.

E foi por meio desses equipamentos que os carros do Google Street View teriam se conectado às redes sem fio brasileiras, fazendo com que alguns dados acabassem sendo capturados. Ainda é necessário ouvir a versão oficial da Google para que possamos dizer exatamente qual era a natureza desses dados coletados.

Cupons de desconto TecMundo: