(Fonte da imagem: Divulgação/DuckDuckGo)

Líder absoluto no mercado de sites de buscas pela internet, a Google terá que se defender de mais uma acusação: segundo o concorrente DuckDuckGo, a gigante de Mountain View utiliza práticas nada éticas para boicotar os demais serviços da área e continuar no topo.

Segundo o criador do DuckDuckGo, o estudante Gabriel Weinberg, a Google dificulta bastante o processo de tornar o seu buscador como o padrão de pesquisas no Google Chrome. Além disso, em aparelhos móveis com Android, ele também seria extremamente desvalorizado pelo concorrente.

Órgão responsável por analisar esse tipo de denúncia, a Comissão Federal do Comércio dos Estados Unidos ainda vai estudar o caso para determinar se o Google fere ou não alguma lei de mercado. A empresa já se declarou inocente de todas as acusações.

Criado em setembro de 2008, o DuckDuckGo é um mecanismo de busca nos mesmos moldes do Google, mas com menos popularidade e, segundo o responsável pelo site, sem manipular resultados ou armazenar dados pessoais.

Cupons de desconto TecMundo: