(Fonte da imagem: Reprodução/Google)

Embora o Google Wallet não seja um dos serviços mais populares da empresa, ele possui sua parcela de usuários que utiliza o serviço de créditos da companhia para realizar suas transações. Se você faz parte desse número e era adepto dos cartões pré-pagos, é melhor gastá-los logo, já que a companhia anunciou que eles deixarão de ter valor a partir do próximo mês.

Em um email enviado a todos os usuários do Wallet, a Google afirmou que os códigos de créditos serão bloqueados a partir da próxima segunda-feira, 17 de setembro, quando os cartões perderão de vez seu valor. Porém, isso não significa que você deva fazer uma pequena poupança em sua conta, já que todo o dinheiro adicionado dessa forma será inutilizado a partir de 17 de outubro — o que fez a empresa sugerir que as pessoas gastem o valor armazenado até essa data para evitar grandes prejuízos.

O motivo para a mudança de política é simples. Desde o início de agosto, a companhia adicionou suporte a cartões de crédito e débito ao seu serviço, o que coloca em xeque a utilidade do pré-pago — ao menos nos Estados Unidos.

O ponto é que, após os vários casos de ataques hackers que assolam o mundo digital desde o ano passado, muita gente não se sente segura a ponto de inserir suas informações financeiras em um banco de dados passível de roubo com um único clique — PSN, ainda nos lembramos de você —, o que fazia dos cartões uma ótima opção. Isso sem falar dos usuários de outros países que não conseguem usar os serviços na loja da Google.

Fonte: Google

Cupons de desconto TecMundo: