Como prometido há alguns meses, a Gigante das Buscas finalmente revitalizou a sua ferramenta para construção de página na internet. Disposta a tornar o serviço digital mais atual e intuitivo para o público, a Google lançou há pouco tempo – no final de novembro – a nova edição do Google Sites. Com o update, o serviço ganhou uma cara totalmente nova e recursos que permitem que mesmo iniciantes possam criar seus sites em poucos cliques.

Essa encarnação ficou em uma fase de testes fechada – liberada apenas para participantes do programa de early adopters da companhia – desde pelo menos junho deste ano. Ao que parece, esse período foi mais do que suficiente para que os responsáveis pelo projeto acabassem com todas as aparas do produto e, de quebra, implementassem uma infinidade de novas funcionalidades.

Achou fácil? Tudo indica que é fácil mesmo

Mais leve e direto ao ponto, o Google Sites agora se integra a boa parte do acervo de serviços e programas online da empresa. Duvida? Bem, basta conferir que as páginas criadas na plataforma já podem ter a sua performance devidamente monitorada com as ferramentas do Google Analytics. Além disso, adicionar imagens do Drive, textos do Documentos, tabelas do Planilhas e quadros do Apresentações são ações que requerem apenas o uso de alguns atalhos fáceis.

Integração e familiaridade

Por falar nos aplicativos de produtividade da empresa, o Google Sites funciona de uma forma bem parecida com eles – em todos os sentidos. Desenvolver um novo site é tão simples quanto criar um documento, com funções como inserir artigos, customizar links e diagramar imagens ficando devidamente posicionadas em uma barra de ferramentas bastante intuitiva. Clicar e arrastar em elementos permite ao usuário posicioná-los da forma que quiser.

Ah, se for preciso, você não precisa começar o trabalho do zero, já que o produto oferece uma série de templates, temas e layouts para a sua página, com cada um desses itens escalando naturalmente para telas grandes ou pequenas – suportando a navegação em desktops e nas plataformas mobile. Um recurso integrado, inclusive, dá uma prévia de como o conteúdo é exibido em PCs, tablets e smartphones.

A colaboração é algo presente nessa nova edição do app

Claro que a colaboração é algo presente nessa nova edição do app, que, assim como seus irmãos mais velhos, permite configurar o site para que múltiplos autores possam trabalhar simultaneamente nele. E não é preciso se preocupar, pois assim que um dos editores mexe no material e clica no botão de publicar, todos os envolvidos na brincadeira passam a visualizar automaticamente a versão mais atualizada do projeto.

Por enquanto, as duas edições do Google Sites seguem disponíveis para os internautas, fazendo com que quem tem produções criadas na ferramenta original continue a gerenciar suas páginas da forma tradicional. No entanto, se você quer ver do que o serviço é capaz e pretende testar até onde é possível chegar em digitar uma única linha de HTML, basta acessar este link e dar início à brincadeira.

Cupons de desconto TecMundo: